Nossa História

EDITAL DE SELEÇÃO - PONTOS DE CULTURA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAXIAS DO SUL

SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA

PONTOS DE CULTURA DA CIDADE DE CAXIAS DO SUL

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 01/2010-SMC

A SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA, com base no CONVÊNIO SICONV N° 723094/2009 - MINC/FNC entre o Ministério da Cultura e Município de Caxias do Sul, torna público que, nas datas e local abaixo especificados, estará recebendo os documentos de inscrição para seleção de Projetos denominados “Pontos de Cultura” – Programa Mais Cultura do Ministério da Cultura, em consonância com as normas estabelecidas pelo MINC, Lei 8.666/93, IN/SCIM-002/08 e demais legislações aplicáveis.s


Lançada Rede de 10 Pontos de Cultura de Caxias do Sul

Na noite dessa segunda-feira, dia 20 de junho de 2011, o Prefeito José Ivo Sartori esteve no lançamento de uma rede inédita na cidade, composta por 10 Pontos de Cultura. A Rede é resultado de convênio celebrado entre a Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria da Cultura (SMC), e o Ministério da Cultura. O processo de inscrição, avaliação e seleção dos 10 Pontos foi feito no decorrer do ano de 2010, por meio de dois editais públicos.

O evento, no 3º Piso do Centro Administrativo, contou com apresentações do Grupo de Capoeira Conquistador da Liberdade e do Coral Anjinhos da Comunidade, da Associação Beneficente dos Amigos do Bairro Bom Pastor II – ACAMOB.

Também estavam presentes o Secretário Municipal da Cultura, Antonio Feldmann, a Chefe de Representação Regional Sul do Ministério da Cultura, Margarete Moraes, o secretário adjunto da Secretaria de Identidade e Diversidade Cultural, César Piva, o representante da Secretaria Estadual da Cultura, João Paulo Pontes, o diretor geral da SMC, João Tonus, o representante do Conselho Gestor dos Pontos de Cultura, Josimar Maciel Nunes, além de membros do Conselho Gestor da Rede de Pontos de Cultura, diretores e funcionários da SMC.

“São 10 Pontos de Cultura de uma única vez, enquanto Caxias teve apenas um em toda sua história. E a partir dos Pontos de Cultura, Caxias começa a ter os Agentes de Cultura, uma rede integrada formada por pessoas dos mais diversos segmentos, que promoverão Cultura em nossa cidade. É um investimento de 1,8 milhão de reais, sendo R$ 1,2 milhão do Ministério da Cultura e R$ 600 mil do município\\\\\\\'\\\\\\\", destacou o Secretário da Cultura, Antonio Feldmann.

Para o representante da Rede dos Pontos de Cultura, Josimar Maciel Nunes, é um orgulho para todos os envolvidos neste processo estar comemorando o aniversário do município com um lançamento deste porte. “Essa é mais uma prova de que em Caxias se valoriza a Cultura como forma de desenvolvimento social da população, como referência na inclusão social”.

A Chefe de Representação Regional Sul do Ministério da Cultura, Margarete Moraes salientou o destaque estadual e nacional que a cidade tem na área da Cultura. “Não foi à toa que Caxias do Sul conquistou o 1º lugar no Índice de Gestão em Cultura, desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA/IBGE e Ministério da Cultura, e também o título de Capital Brasileira da Cultura 2008. Essa cidade é motivo de orgulho para os gaúchos e hoje dá mais um importante passo neste sentido. Parabéns a todos”.

O Prefeito José Ivo Sartori destacou que esta foi uma construção coletiva, de muitas mãos. “Os 10 Pontos representam a nossa riqueza cultural, a nossa diversidade, a preservação da nossa história e a nossa identidade. Aqui estão representados desde presidentes de bairros, até empresários. São pessoas de todas as idades, de todas as classes e etnias. Que este trabalho se solidifique e que cada um auxilie o outro, formando uma rede generosa de solidariedade”.

Cada Ponto oferecerá à comunidade uma sala multiuso destinada a apresentações cênicas, música, vídeo/cinema e palestras, para público de cerca de 100 pessoas. As diretrizes dos Pontos de Cultura de Caxias do Sul são: democratização do acesso à cultura; formação de uma rede de pontos de cultura; valorização das manifestações culturais locais; formação de agentes de cultura; ser referência na sua vocação cultural e produtiva; avaliação continuada e promoção da autonomia e continuidade do Ponto de Cultura.

* Confira os 10 Pontos:

1 – Capoeira Cultura que Une (Santos Dumont)

Oficinas de capoeira, maculelê, danças afro-brasileiras e capacitação de oficineiros e monitores para essas atividades. Teatro e contação de histórias afro-brasileiras.

2 – Casa das Etnias (Panazzolo)

Preservação e cultivo das culturas das etnias formadoras da sociedade de Caxias do Sul, por meio do teatro, dança, música, canto, artesanato, gastronomia e aulas de línguas da imigração.

3 – Comunitário Zona Sul (Bom Pastor II)

Oficinas de artesanato, dança, teatro, capoeira, música e exibição de filmes para as comunidades da Zona Sul.

4 – Costurando Sonhos (Forqueta)

Fortalecimento e preservação da cultura regional, por meio de oficinas de artesanato, música, teatro e formação de guias de turismo da comunidade.

5 – História nas Mãos (3ª légua)

Oficinas de educação ambiental e sustentabilidade, seminários, palestras, dança, teatro em dialeto Veneto, coral italiano e aulas de música.

6 – Música para todos (Belo Horizonte)

Cursos de aperfeiçoamento de conhecimentos musicais, estúdio de gravação semi-profissional, oficinas de produção de áudio e técnica musical.

7 – Núcleo Audiovisual Teatro Moinho da Estação (São Pelegrino)

Cursos de formação em audiovisual com o objetivo de aproximar os alunos do universo da imagem através de experiências práticas e discussões teóricas, atendendendo aos Pontos de Cultura de Caxias do Sul e comunidade.

8 – Teia Cultural (Kayser)

Cursos de formação de Agentes de Cultura, atendendo aos Pontos de Cultura e comunidade, que resultará na formação da “Rede de Agentes de Cultura”; realização de oficinas e apresentações de teatro, dança, música, exibição de filmes, mostras fotográficas e encontros de literatura.

9 – UAB Cultural (Panazzolo)

Oficinas de circo, dança, cinema e vídeo e ação Griô (valorização dos mestres dos saberes populares, através da preservação e registro de suas histórias). Formação de núcleo de Hip-Hop, desenho e grafite.

10 – Vila Seca em Cultura (Vila Seca)

Desenvolvimento de atividades de resgate das raízes culturais, através das oficinas de artesanato local, música, dança e culinária típica. Promoção de atividades de incentivo ao turismo e educação ambiental.

POSSE DO CONSELHO GESTOR

Durante a solenidade, ocorreu a posse do Conselho Gestor, com a entrega de diplomas e assinatura da ATA. Os titulares e suplentes são:

Titular: Elaine Pasquali Cavion – Secretaria Municipal da Cultura

Suplente: Claudete Maria Taiarol Travi

Titular: Valdir Fernandes Walter - UAB Cultural

Suplente: Tom Costa

Titular: Carolina Campos – Núcleo Audiovisual - Moinho da Estação

Suplente: Sinara Suzin

Titular: Henrique Gayeski – Casa das Etnias

Suplente: Iraci José Marin

Titular: Diógenes Antonio de Oliveira Brazil - Capoeira, Cultura que une

Suplente: Jõao Heitor Macedo

Titular: Arnaldo Poletto – História nas Mãos

Suplente: Fábio Brustolin

Titular: José Pascoal Dambrós – Associação Músicos Caxienses

Suplente: Vitor Lemes

Titular: Jairo José Rech – Vila Seca em Cultura

Suplente: Leda Poletto

Titular: Caliandra Paniz Troian – Teia Cultural

Suplente: Adail Bernardo da Silva

Titular: Felipe Slomp Giron – Costurando Sonhos

Suplente: Gema dal Cero

Titular: Cassiano Fontana - Comunitário Zona Sul

Suplente: Alcemar Oliveira

Assessoria de Imprensa

https://caxias.rs.gov.br/noticias/2011/06/lancada-rede-de-10-pontos-de-cultura-de-caxias-do-sul


casadasetnias@casadasetnias.com.br


© 2021 Casa das Etnias   ||   99973-6766 (Marin); 99118-8889 (Ivo); 99996-9517 (João Andreis) - admin
Av. Independência, 2542 - Bairro Panazzolo - Caxias do Sul - RS. CEP: 95082-380